29 de set de 2010

Fechaduras frescurizadas

Todo o conteúdo desse post foi descaradamente baseado no Frescureze-se da Marianna Alcorta e Marjori Schroeder. O espaço é destinado as “frescurices” e tem coisas muito interessantes. Sério. Mesmo.

Vamos ao assunto: E tradicional empresa Papaiz criou uma linha super inovadora, a Collezione – by Adriana Barra. A artista criou estampas que dão um charme para as peças. Os trabalhos de Adriana Barra são reconhecidos pelo uso das cores e estampas floridas, assim como ficaram as fechaduras e cadeados.


São três linhas de produtos: Maçanetas Massima, Cadeados Fashion e Cadeados Segredos Fashion. Primeira coisa que eu pensei foi se a estampa não desbota ou descasca com o uso prolongado... mas pensando bem, acho que não, né? A marca é super conhecida e não faria algo com “prazo de validade”. Pelo menos é o que eu espero.


Existem duas versões de cadeados, com chave ou com segredo. E as estampas podem ser uma boa para ajudar na identificação da mala na esteira do aeroporto ou no terminal do porto, pode ser bacana também para o armário da academia... enfim, onde usar não falta!

Quis dividir essa informação com vocês pq achei super diferente. Ah sim, e frescurizada!! rsrsrsrs

Onde encontrar? Aqui oh:

www.adrianabarra.com.br
www.micasa.com.br

27 de set de 2010

Kitchen Room

Uma das grandes mudanças estruturais que planejamos com a reforma é abrir a cozinha e integrá-la com a sala de estar. Quando você amplia esses espaços dentro de um apartamento, naturalmente cria um tom mais informal dos ambientes. A ideia é que sejam locais de passagem de quem mora e visita o lar, não se prendendo às divisões tradicionais.


O portal Casa Claudia traz uma galeria de fotos de oito projetos que seguem esse conceito e transformam a cozinha em um confortável ponto de encontro.

Para ler a matéria completa, clique aqui

24 de set de 2010

Castelinho da rua Apa


Fiquei sabendo que vão restaurar o castelinho da Rua Apa. O projeto é do arquiteto Paulo Bastos junto com o Clube de Mães do Brasil (entidade que atualmente cuida do local).

Lembro que quando eu era pequena sempre que passava pelo Minhocão pediu para a minha avó me mostrar o castelinho. Eu achava lindo, pensava que lá devia ter morado alguma princesa rsrs coisa de criança! Depois de grande que fiquei sabendo a real história daquele lugar. Você sabe do que eu tô falando?

Parece que o local foi construído em 1912 na esquina da rua Apa com a São João. Foi o palácio de uma rica e tradicional família da cidade que trouxe a planta de um castelinho da França para construir a casa aqui em São Paulo. Depois de alguns anos o lugar foi cenário de um crime chocante que até hoje não esclarecido.

Lá morava a mãe (recém viúva) e dois filhos, família milionária e dona do Cine Broadway. Em maio de 1931 os corpos dos três moradores foram encontrados dentro do imóvel, baleados a tiros. O caso rendeu manchetes durante vários dias nos jornais. Segundo a polícia, um dos filhos tinha a idéia de transformar o Cine Broadway em ringue de patinação. O irmão era contra e isso gerou uma grande briga na família, onde um dos irmãos teria sacado a arma e disparado contra o outro. A mãe teria entrado no meio. Final das contas: os 3 mortos. Mas muita gente duvida dessa versão. A polícia nunca descobriu qual dos irmãos seria o assassino. A população nunca se convenceu da história da policia.

O castelinho já faz parte de contos de lendas urbanas de São Paulo, com pessoas que dizem ouvir e ver coisas no local. Outras dizem passar mal ao entrar no local. Desde o crime, dizem que ninguém consegue morar mais ali.

Hoje, o castelinho é propriedade da União, pois não sobrou herdeiro direto dos proprietários, mas encontra-se ocupado pela Associação de Mães do Brasil, que agora conta com a ajuda do arquiteto para reformar o local. Justo. Muito bacana. Palmas!

23 de set de 2010

REFORMAR OU RENOVAR?

Quem não quer enfrentar uma grande reforma pode investir em soluções criativas para mudar o visual e o espírito da casa. O jornal MTV na Rua de hoje trouxe ótimas dicas, como adesivar e pintar paredes ou ir atrás de objetos simples que dão um toque de sofisticação. A matéria traz ainda uma entrevista com o designer de ambientes Fábio Galeazzo, autor do livro “Pequenas Mudanças, Grandes Transformações” e que aposta no azul e amarelo como cores em alta.


Adesivo de parede da I-Stick sai por R$ 169


Abaixo as dicas dos profissionais consultados pelo MTV na Rua:

1. Para não errar, use cores da mesma família para fazer as composições
2. Misturar estampas, como xadrez, bolinhas e flores, pode dar um efeito interessante entre cortina, almofadas e tapetes
3. Antes de fazer qualquer compra, veja primeiro o que você tem em casa. Reaproveitar peças antigas, dando-lhes um toque moderno, está em alta
4. Uma bandeja antiga pode virar o suporte de um espelho
5. Abuse dos adesivos de parede. Eles dão charme à casa e são fáceis de trocar

Clque aqui para ler a matéria completa

22 de set de 2010

Casa Cor

Quem for do interior ou mesmo aqui de São Paulo pode tirar um dia para ir até Campinas dar uma olhada na Casa Cor e na Casa Hotel. A equipe que trabalha comigo aqui no estúdio foi e gostaram muito. Eles falaram que tem coisas muito bacanas e diferentes, inclusive gravaram um vídeo com o jornalista Artur Luiz Andrade. Confesso que estou louca para ir. No final do evento eles vendem as peças, e isso pode ser beeeem interessante, com certeza vou deixar para ir nesse período.





Esse ano o evento vai de 3 de setembro até 12 de outubro, e SPECIAL SALE acontece nos dias 11 e 12 de outubro. (Atennnção tia Roooseee)

O horário de funcionamento é:Terça a Quinta 12h às 20hSexta e Sábado 12h às 21hDomingo 11h às 19h

O evento acontece no Royal Palm Plaza Resort Campinas (sim, aquele mesmo que tem o Terraço Goumert que é de babar!), e fica na Av.: Royal Palm Plaza, 277

O evento é a mais respeitada mostra de arquitetura e decoração do país e é a segunda vez que acontece na cidade. “A entrada será pelo lobby do Royal Palm Plaza, o que permitirá a circulação de mais de 40 mil pessoas no resort, sendo um público altamente qualificado”, afirma o diretor executivo do Grupo Royal Palm, Antonio Dias. Profissionais renomados assinam os espaços que estão montados num imóvel adquirido pelo hotel para futuras ampliações.

Para quem quiser aproveitar e passar o final de semana no resort, os hóspedes tem 50% de desconto nos convites das duas mostras.

Preços: R$ 25,00 (inteira) e R$ 12,00 (crianças de até 12 anos, estudantes e pessoas com mais de 60 anos); R$ 75,00 (passaporte com acesso ilimitado) .

21 de set de 2010

Comunicação de elevador

Quem mora em prédio, por favor, me responda: Como é feita a comunicação no seu prédio? Eu digo a comunicação entre administração e funcionários com os moradores. Vou explicar o pq da pergunta... aqui no nosso prédio eles mandam os comunicados impressos para cada morador. Mas são 84 unidades e muitas vezes acabam colando os informes na parede de elevador pó invés de mandar um papel para cada unidade.

Ok, vamos lá... o elevador é realmente um lugar em que a pessoa fica alguns instantes parada sem ter o que fazer. Se tiver um papel colado ali a pessoa acaba lendo mesmo, afinal não tem mais nada p fazer lá dentro ( tem aqueles que aproveitam os segundinhos ali dentro para apertar uma espinha olhando no espelho, outros pegam o interfone e falam com o porteiro... mas não são todos). E uma coisa é verdade, todos os moradores passam pelos elevadores (tá, menos aqueles q vão de escada, mas em um prédio de 21 andares com certeza quem vai de escada é minoria).

Agora sim nós chegamos ao problema, eu acho MUITO FEIO esses papeis colados na parede do elevador. É uma forma efetiva de comunicação, mas é feio demais. Vamos aos exemplos, aqui no nosso prédio tem horário certo para colocar o lixo na lixeira, só até as 15:30h. De tempos em tempos os funcionários fazem uma ronda pelas lixeiras de todos os andares e quem tiver colocado o seu lixinho lá fora de hora recebe uma cartinha pedindo para que não se repita mais. Além disso, eles fazem uma tabela mensal com a quantidade de vezes que cada andar colocou o lixo na lixeira fora de hora... e essa tabela é fixada no elevador. Gente, só eu que acho isso feio? Eu acho um super mico. Uma vez recebemos uma visita e assim que a pessoa entrou aqui no apê já comentou "ahhhh, o andar de vocês colocou o lixo fora de hora duas vezes esse mês, hein?" GENTE! GENTE! GENTE! Isso é constrangedor!

E também tem uma outra questão, tem morador que começa a achar que aquilo é mural de recados. Último dia 31/12 a festa foi aqui e todas as nossas visitas viram um comunicado MEGA BIZARRO no elevador. Uma vizinha colocou papel dizendo que tinha deixado uma maçã verde no hall do andar dela e que a maçã tinha sumido. E no final ela escrevia algumas grosserias para que a pessoa que pegou a maçã devolvesse. Gente, socorro, né? É muito mico para um espaço tão pequeno como um elevador.

O nosso síndico é super aberto a novas idéias e eu gostaria de sugerir algo melhor para a comunicação do prédio, mas eu não sei o que sugerir. Como trabalho com tv logo veio uma coisa obvia, um aparelho de tv pequeno que divulgue as informações dentro do elevador. Pelo menos assim só poderiam divulgar as informações quem fosse autorizado e ninguém reclamaria da maçã verde, por exemplo. Mas vamos ser sinceros, isso envolve um gasto relativamente alto para o condomínio, ou seja, não vai dar. Não consegui pensar em nada que fosse melhor... e olha que tenho me esforçado.

E ai, você tem alguma sugestão?

20 de set de 2010

REFORMA UNIVERSITÁRIA

Quem é universitário normalmente reclama de que faltam atividades práticas nos conteúdos programáticos de seus cursos de graduação. Não é o caso dos estudantes de Engenharia Civil da Universidade Cruzeiro do Sul, instituição de ensino de São Paulo.

Os alunos estão na linha de frente do Nova Morada, uma parceria entre a universidade e a Fundação Tide Setubal que busca promover a reforma de casas de famílias do bairro de São Miguel Paulista, localizado no extremo leste da capital paulista.

O projeto envolve a realização de reformas básicas para solucionar problemas como infiltrações, falta de ventilação, instalações elétricas antigas, proporcionando, assim, melhor da qualidade de vida dos moradores da região.

Moradores de São Miguel Paulista recebem capacitação de construção civil

Na primeira fase, os futuros engenheiros identificam as casas com problemas mais graves de estrutura física. Depois, a reforma é realizada pelos próprios moradores, que recebem qualificação por meio de um curso para formação de operários de construção civil. Toda a execução das obras é supervisionada pelos alunos e coordenação da Universidade Cruzeiro do Sul. Os materiais necessários são financiados pela iniciativa privada.

A Tide Setubal explica que o programa foi desenvolvido a partir da constatação do grau de vulnerabilidade de famílias que se encontram em situações precárias de habitação. A população do bairro atua em reformas de pequeno porte, como colocação de telhados e portas, instalações de janelas e ajustes das instalações elétricas. Com o curso, os moradores se deparam ainda com mais oportunidades de trabalho relacionadas à área.

Imagine só essa rica experiência impactando outros bairros menos favorecidos da cidade. Jovens e adultos trabalhando juntos na construção da cidadania, reforma esta que não tem motivos para acabar.

15 de set de 2010

Terraço Gourmet

Tá ai um negócio que está super na moda! Quase todas as novas construções estão explorando lindas varandas com churrasqueira, espaço para colocar mesa de refeições, TV... Enfim, a área de lazer dos apês estão ficando maiores e as salas de dormir cada vez tem menos destaque. A idéia é que o quarto foi feito para dormir, temos que tem um bom colchão e um bom chuveiro. No restante do dia precisamos de espaço para convivência. E sabe, eu concordo com isso. A pena é que eu não posso fazer uma varanda gourmet aqui no apê.

Mas pelo menos o nosso arquiteto, Ricardo Petrenko, criou uma cozinha integrada com a sala que vai ficar tudo de bom! Salve, salve!

Mas eu tô falando isso pq fiquei sabendo do lançamento do Terraço Gourmet, do Royal Palm Plaza. O ambiente é bem decorado e tem alguns detalhes que eu amei. Olha esse lago ornamental em toda extensão... imagina que paz jantar ai?
Mas vamos lá, adorei essas portas de vidro de correr. Pensei em fazer algo assim para colocar no entre a cozinha e a sala... mas isso para o projeto anterior (que já foi abandonado). Adoro também esses spots no chão. Aperte no botão de fechar a janela quem nunca tentou pisar na luzinha! Quero dar um jeitinho de colocar no apê... só não sei onde. Dicas???? Sugestões???? Pitacos????

14 de set de 2010

2 NO MESMO QUARTO

Eu e a Amanda pensamos em ter um segundo filho. E isso me faz lembrar que a divisão de quartos é sempre um dos temas mais polêmicos dentro de um lar.

Quando eu ainda morava na Mooca, a conta era simples. Minha irmã num quarto só pra ela e para os ursinhos de pelúcia que ela dava aula e outro para os gêmeos. Sim, pra quem ainda não sabe, tenho um irmão gêmeo. Mas quis a genética que só tivéssemos igual o sobrenome.

E irmãos que dividem o quarto passam pelos momentos clássicos. Beliche, bicama, briga pelo lado mais legal do quarto (sim, ele existe), Olimpíadas de Verão e Inverno dentro do dormitório, madrugadas a dentro de videogame e a felicidade quando o pai instala TV a cabo e um mundo incrivelmente novo (leia-se Sexytime) se abre para dois pré-adolescentes

Eu e meu irmão tivemos, obviamente, os arranca-rabos (ainda tem hífen?). A ciência nos jogava na cara que dois corpos não poderiam mesmo ocupar o mesmo espaço. Mas a cumplicidade que se cria é algo que supera qualquer disputa de território.

Afinal, a gente jogava papel higiênico pela janela e comemorava como se fosse final de Copa do Mundo. E ainda tínhamos um ritual de boa noite. Algo bobo, se analisar agora. Mas fundamental, quando penso na amizade que nutrimos até hoje. Era uma mistureba de um game que jogávamos à época. Vou escrever como lembro do som, algo mais ou menos assim:

(Flavio): With paick
(Fabio): Rojão
(Flavio): With paick
(Fabio): Rojão
(Flavio): With paick
(Fabio): Rojão
(Flavio): Te amo te amo te amo
(Fabio): Eu também

Tudo isso pra dizer que a minha irmã Fernanda, que hoje tem duas lindas meninas, está em dúvida se junta a Júlia e a Clara no mesmo quarto. Sei que seria mais complexo por conta da diferença de idade entre elas (5 anos). Quem sabe mais pra frente, depois que elas inventarem um novo ritual...

12 de set de 2010

JANELAS

Vamos ver se agora consigo escrever sobre as janelas.
O problema é que elas também começam a ficar velhas. Canos a gente troca, fios a gente troca... mas e janela? Janela interfere na fachada do prédio. Isso é um problema e pode dar brigas enormes com vizinhos.

As daqui de casa já tão feinhas, o alumínio meio manchado e desgastado. Como não podemos trocar nós precisamos de dicas de como reformá-las. Acho que fica horrível quando pintam de prata a janela, quero algo q fique melhor.

A grande parte dos moradores de São Paulo vivem em apartamentos e devem ter esse problema... e se existe esse mercado, devem existir mão de obra para isso, né? Só me falta descobrir quem, onde e, principalmente, quanto.

Pesquisei no 'santo google' e achei algumas informações legais sobre alterações na fachada. Olha só:

Fachada é toda área externa que compõe o visual do condomínio, como as paredes externas, sacadas, janelas e esquadrias, portas e portões.

Um dos fatores que mais influenciam na valorização e venda de um apartamento é a estética do condomínio. Mesmo se o apartamento for pequeno ou se a localização não for das melhores, a beleza e a organização podem elevar preços e atrair compradores.

Segundo o Código Civil, qualquer tipo de alteração na fachada é proibida. Na prática muitos condomínios vêm tolerando algumas alterações mediante aprovação em assembleia.

O que costuma ser proibido?

Instalar antenas
Trocar janelas
Fechar a área de serviço
Alterar cor ou textura das paredes de fora do apartamento

O ideal é que todas as proibições e permissões relacionadas a alteração da fachada e áreas comuns dos condomínios estejam na Convenção. No dia-a-dia do condomínio, frequentes alterações na Convenção são inviáveis e muitos síndicos acabam optando por aprovar certos tipos de mudanças através de assembleia.

As informações são do site www.sindiconet.com.br.

Tem alguma dica para nossas janelas? Tem alguma história sobre isso para contar?

11 de set de 2010

Contrução antiga

O tempo vai passando e as construções vão envelhecendo. Vazamentos aparecem nos canos, parte elétrica começa a pedir socorro... para você ter idéia a fiação do meu chuveiro é 2,5 mm, e atualmente qualquer aparelho q vc compre pede no mínimo 4 mm... e chuveiros bons pedem 6 ou 8 mm. Meu chuveiro é de 4 mm, ou seja, já está acima do que deveria... isso não é certo.

Uma vez eu tava tomando banho e começou a sair fogo do chuveiro. Sai correndo, me enrolei na tolha e interfonei p portaria falando q meu chuveiro tava pegando fogo. O zelador subiu correndo e resolveu tudo com um simples pano úmido. Sim, ele umedeceu o pano, jogou em cima do chuveiro e problema resolvido. Tá, talvez não tenha sido um incêndio como eu falei no interfone, mas com certeza foi mais do que eu poderia considerar normal.

Um dos objetivos da reforma é trocar toda a parte elétrica do apê, começar do zero. E aproveitar para criar novas tomadas, pq sempre falta uma tomada em algum lugar especial, não é? E interruptor também, quero muito colocar nos quartos em parelelo, assim pode acender a luz quando entra no quarto, deitar e depois apagar a luz só quando já tiver deitada. Isso é muito útil, apesar de parecer supérfluo.

Eu comecei esse post querendo falar de janelas... fui parar no chuveiro. Tudo bem, logo mais escrevo sobre as janelas.

Quantos anos tem meu prédio? Eu estou aqui já tem 23 anos. Depois preciso descobrir em que ano ele foi construido.

9 de set de 2010

Pinta?

É tanta opção de tinta que eu tô começando a ficar confusa. Para mim até outro dia a palavra tinta era sinônimo de guache. Como nenhum pintor vai querer fazer uma pintura a dedo no nosso apê, achei melhor começar a procurar mais informações sobre as ditas.

Uma vez eu fiz a besteira (para ser educada) de mandar pintar os azulejos do meu banheiro. AI MEU DEUS! É a tal da tinta epóxi... ela mostra absolutamente todos os defeitos da colocação das peças... gente, é cruel! Mas por outro lado é suuuuper fácil de limpar e acabou com aquela história de ter q esfregar toda hora o rejunto do boxe. Então já aviso, não pintem o azulejo do banheiro! Se quiser algo assim, manda arrancar as peças e passa a tinta em cima da massa corrida mesmo (será q pode???). Outro dia ponho foto da “coisa linda” para vocês verem, agora não to em casa.


Agora estou de olho nas tintas para a nossa tão falada reforma (não, não vou pintar nenhum azulejo dessa vez). Mas achei algumas tintas curiosas... tinta imã, já ouviu falar? É uma tinta misturada com chumbo com minúsculas partículas de ferro misturadas (será que o Dr House aprovaria?). Na parede ela parece normal, mas o diferencial é que vc pode colocar um monte de coisas penduradas. Sinceramente, não sei se usaria. Mas é legal. Fato.

Outra legal para quem tem crianças em casa (minha cunhada Fernanda vai gostar) é a Super Lavável. Riscos com lápis de cor, grafite e outros materiais podem ser removidos com água, álcool e detergente. Sabem pq tô falando que minha cunhada vai gostar? É que dei de niver para a caçula dela um ônibus de madeira com vários pininhos coloridos para encaixar, minha filha ama o dela e eu sabia que a Clara ia gostar tb. Mas o problema é que ela descobriu algo novo para fazer com as peças... a Clara molha na boca e passa na parede, deixando toda a casa da Fê com estilo de arte moderna. No feriado dessa semana a Fê e o Júlio vieram aqui em casa com a Júlia (prima mais velha) e a Clara. Elas brincaram muito e a tia aqui resolveu fazer uma aula de pintura, peguei uma folha grandona, giz de cera e coloquei as meninas para pintarem, ficou tão lindinho o desenho delas (modernista, claro). No dia seguinte... a Clara, com todo o seu 1 ano de sabedoria, achou que a casa dela estava muito sem cor... pegou uma caneta e pintou o estofado branco da cadeira deles. Qual será a próxima que a titia aqui vai inventar? Ai ai ai...


Voltando as tintas... agora é hora da minha queridinha, a tinta lousa! Já falei dela aqui e tenho 99% de certeza que vou pintar aquela coluna q vai sobrar no meio da minha sala com essa tinta. Já que não tem nada de legal para fazer com a coluna pelo menos faço algo lúdico para a nenê e um mural de recados para os adultos.

E para completar achei um link que calcula quanto vc vai usar de tinta para pintar cada cômodo, adorei! Só espero que o calculo seja certo. Olha
aqui.

8 de set de 2010

GUIA DE PONTAS DE ESTOQUE

Comprei uma revista Minha Casa, da editora Abril. A publicação é nova, está apenas no número 4, e o publico é diferente das revistas de decoração que a gente está acostumada a ver por ai. Começando pelo preço, ela é bem mais barata, custa R$ 4,90 e mostra muitas opções em conta, coisas que podemos fazer em casa, reforma de quitinetes, transformações de ambientes com investimento baixo... Mas estou escrevendo para contar de uma matéria que eu adorei sobre PONTAS DE ESTOQUE de móveis, com economia de até 70% de desconto! E o legal é que eles falam de lojas grandes e marcas conhecidas.

Então me empolguei e fui pesquisar mais coisas no site Casa e lá eu vi que eles tem também uma matéria sobre ponta de estoque de materiais de construção com até 70% de desconto. Mas acho que vale lembrar que para comprar determinados materiais como cerâmicas é bom vc já comprar tudo de uma vez pq se durante a obra acabar o seu material e vc precisar comprar mais acho que fica difícil achar do mesmo lote e etc... principalmente pq muitas vezes as pontas de estoque vendem produtos que já estão fora de linha.

BRETON ACTUAL OUTLET
Av. Rudge Ramos, 790 (saída km 14 da via Anchieta) (11) 4362-5244,
Móveis para a casa e o jardim, luminárias e objetos de decoração: tudo de 40 a 70% mais barato.

EMPÓRIO BERALDIN
Rodovia Raposo Tavares, km 25,3 sentido SP, tel. (11) 4617-8460.
A loja conhecida pelo uso de materiais orgânicos. Descontos de 50 a 70%.

ESPAÇO MOVELEIRO
Av. General Ataliba Leonel, 1189, tel. (11) 2978-8408
Móveis para toda a casa, tapetes e objetos de decoração são encontrados com descontos que chegam a 70%.

FERNANDO JAEGER GALPÃO
R. Coronel Melo de Oliveira, 440, tel. (11) 3873-2989
Os preços são de 20 a 50% mais em conta do que os encomendados.

FORMA OUTLET
Rodovia Régis Bittencourt, 759, tel. (11) 4788-8310,
A tradicional loja que comercializa móveis de grandes nomes do design, como Eero Saarinen, vende no outlet as peças que sobraram das coleções antigas ou que possuem pequenos defeitos. Os descontos podem chegar a 80%.

INTERDOMUS LAFER
R. Lavapés, 6, tel. (11) 3208-6722
Em 1000 m² você encontra poltronas reclináveis, sofás e estantes de mostruário, coleções antigas ou com pequenos defeitos entre 50 e 70% mais baratos.

FUTON COMPANY
r. Inácio Pereira da Rocha, 295, tel. (11) 3813-9700
Futons, almofadas e móveis orientais são a especialidade desta loja. Os descontos podem chegar a 85%.

FUTON & HOME OUTLET
r. dos Estudantes, 55, 1º. andar, tel.(11) 3208-1518
Os descontos passam de 40%.

TROUSSEAU OFF
r. João Cachoeira, 1486, tel. (11) 3849-4638
A história da rede começou em 1991 nesse endereço do Itaim. Atualmente ali funciona a ponta de estoque da marca, que vende as coleções passadas de lençóis, colchas, homewares e outros. Os descontos de 20 a 40% atraem tanto como a qualidade.

LOJAS MARABRAZ
As diferenças chegam a 80% para produtos em exposição, trocados a cada seis meses. Tel. (11) 3682-2067.

SUPERMAD WOOD CENTER
A rede comercializa nessa loja portas e janelas de madeira. Tel. (11) 4122-8499. SBC

DELL ANNO
O mostruário, renovado a cada seis meses, tem até 50% de desconto em cozinhas e quartos na loja do bairro de Moema. Tel. (11) 5089-9977.

TODESCHINI
Móveis do showroom na unidade da Radial Leste, trocados em agosto, têm diferença de até 60%. Tel. (11) 2698-7435.

LESTE MÁRMORE
O desconto em produtos do showroom, como mármore, granito, ardósia e granilite, chega a 50%. Tel. (11) 2253-5600.

ATTYTUDE DECORAÇÕES
Descontos de até 40% em papéis de parede com pouca metragem. Tel. (11) 3794-0934.

CENTER CASTILHO
Revestimentos cerâmicos fora de linha podem ser encontrados por até 50% do preço nas 11 unidades da rede. Tel. (11) 2122-9800.

DICICO
A loja no bairro do Limão oferece descontos de até 90% em pisos e azulejos, mas limita a quantidade por cliente. Tel. (11) 3613-2900.

TELHANORTE
Pisos de marcas como Eliane e Incepa são encontrados com até 40% de diferença no estacionamento da loja na Marginal Tietê. Tel. (11) 3868-6300.

EXALTA PLANEJADOS
Em troca de showroom, no mês de junho, móveis de fabricação própria para toda casa podem ser encontrados com até 50% de desconto. Tel. (11) 3063-3110

FAVORITA
Em promoções de showroom, móveis são vendidos com até 70% de desconto. Garantia de cinco de anos e montagem realizada pela loja. Tel. (11) 2062-3512

PERFIL PORTAS E JANELAS
Peças de amostra, como esquadrias e portas de madeira, de fabricação própria, são vendidas com descontos de até 50%. Os produtos não têm defeitos, mas a loja não realiza troca, nem oferece garantia. Tel. (11) 5542-9288

K&G PAPEL DE PAREDE
Descontos de 5% a 10% na ponta de estoque. Garantia de dois anos na manutenção dos problemas com a instalação. Tel. (11) 2268-3555

WALLCOVERING REVESTIMENTOS
Descontos de 5% a 7% na ponta de estoque. Os produtos não têm garantia e não podem ser trocados. Tel. (11) 3062-7993

CASA DO PAPEL DE PAREDE
Descontos de 5% a 15% para saldos e garantia de dois anos na manutenção dos problemas com a instalação. Tel. (11) 2295-2664

TUMKUS
Cerâmicas e revestimentos Itagres, Incepa e Gyotoku são comercializados com descontos de até 50%, sem direito a troca. Tel. (11) 4474-1314.

TINTAS MC
Os descontos para tintas Suvinil chegam a 10% nos produtos promocionais. A garantia é oferecida pelo fabricante. A troca é permitida num prazo de 15 dias, desde que a tinta não seja preparada e a embalagem não esteja violada. Tel. (11) 5085-3000

IMPÉRIO DAS TINTAS
Descontos de até 5% em tintas de devolução de qualquer marca. Os produtos não possuem garantia, mas podem ser trocadas se a embalagem não estiver violada. Tel. (11) 3168-6453

LEROY MERLIN
A loja tem uma marca de tinta própria que custa 20% menos que as demais. Oferece garantia de seis meses e opção de troca para produtos lacrados. Tel. (11) 3612-6200

4 de set de 2010

PRATELEIRA. VOCÊ AINDA TERÁ UMA

Em algum momento da vida, os armários acusam superlotação e os objetos começam a transbordar pelo apartamento, ou pior: caem num buraco negro e nunca mais são localizados.

Aí surgem as prateleiras. Começa com aquela coruja empalhada. Depois vem um despertador de herança, um porta-retrato dos netos, o livro que você não leu mas quer impressionar a visita... e por aí vai.

Mas o grande desafio é escolher a dedo (ou a trena) o melhor lugar para elas. Eu disse o grande desafio, porque a grande dificuldade é justamente instalar as maledetas. Um furo errado e o que era pra ficar reto vira uma diagonal que lhe atomentará até você mudar de lar.

O portal da Revista Minha Casa trouxe um manual prático e completo de instalação. Até fita crepe pode fazer a diferença. Veja aqui: http://bit.ly/asOs2S. Ah, e depois confira modelos bacanudos de prateleiras neste link: http://bit.ly/cktPc0.

2 de set de 2010

Qual a sua breguice?


Outro dia li uma matéria sobre os objetos de decoração considerados bregas e agora que eu queria falar sobre isso aqui no blog, simplesmente não consigo me lembrar onde vi isso! Mas tudo bem, minha memória não tem sido uma das minhas grandes amigas ultimamente.

O rei da geladeira... adivinha quem é? O pinguim. Um grande problema no nosso apê. Minha avó tem um pinguim que ela ama de paixão e fala que ele é lindo. Durante muito tempo vivemos em uma 'guerra'. Minha avó colocava o animalzinho em cima da geladeira (q fica na cozinha, à vista de todos!!) e eu tirava e colocava em cima do freezer (que fica na área de serviço e as pessoas acabam não vendo). Mas minha avó sempre falava que o bichinho é lindo, e lá ia o dito cujo de volta p a visão de todos os nossos amigos. Sabem como eu ganhei esse combate? Falei que o certo é o pinguim ficar no lugar mais frio da casa, e o freezer é mais frio que a geladeira. Só assim p ele ficar escondido. (estou me arriscando muito em escrever isso aqui, minha avó, apesar dos 84 anos, é super moderna, faz aula de informática, tem e-mail, orkut e... lê o blog. Enfim...).

Vó, vou te contar um segredo, tudo isso que eu escrevi aqui é mentira viu? Seu pinguim é lindo e ele só fica em cima do freezer pq realmente é o lugar mais frio da casa. Tô até pensando em colocar um baldinho de gelo do lado para ver se ele fica mais feliz.

Voltando ao assunto... e as toalhinhas de crochê??? Ai meu pai do céu! Pq as pessoas tem a brilhante ideia de 'enfeitar' em cima da tv, na mesinha de centro, criado mudo... com toalhinhas de crochê????? E normalmente colocam uma beeeeemmmmm loooonnngggaaaa na mesa de jantar. Minha bisavó fazia muitas toalhinhas de crochê, sendo assim minha avó tem milhares delas! Teve época que minha casa tinha esses apetrechos até em cima das caixas de som... Mas hoje em dia eu consegui deixar essas 'coisas lindas' em um lugar especial e exclusivo para elas... a gaveta. Guardadas. Bem fechadas. Amarradas em saquinhos para não correr o risco de fazerem uma revolução e saírem de lá.

Vó, imagina, as toalhinhas de crochê da bisa são lindas. Na verdade acho que a bisa era uma artista... Oscar Niemeyer dos crochês! Só não uso as toalhas para não correr o risco de estragar... vai que o Fabio derruba café? Seria um terror!!

E os cinzeiros que o pessoal sempre pegava nos restaurantes, hotéis ou então que os políticos davam de brinde? Bendita a hora que acabaram com essa história de darem presentinhos para o povo. Na minha casa a gente tinha esse tipo de problema... mas hoje em dia ninguém mais fuma por aqui, e um belo dia eu fiz uma doação de cinzeiros para a lixeira do meu condomínio.

Outro objeto de decoração 'lindo' que eu tive problema foi:
Vazinholindinhocomplantinhaquenuncamorre: as flores artificiais. Acho que elas precisam ser MUITO bem feitas para ficarem bem em uma casa e precisam ser MUITO bem cuidadas, apesar de artificiais. Não tem nada mais horrível do que aquele vaso gigante na mesinha de centro (daqueles que se você senta no sofá nem consegue enxergar a tv) e com 1 centímetro de poeira em cima de cada pétala. Assim que você vê, olha para a dona da casa e pensa: "ahhh, quer dizer que tem preguiça de cuidar de um vasinho de verdade?"

Tô pensando em vestir o pinguim da minha avó com roupinha de crochê e do lado colocar um cinzeiro de propaganda com umas plantinhas de plástico. Nada melhor para enfeitar uma sala.

Quem já teve um objeto brega em casa que atire seu comentário!

1 de set de 2010

DOCE LUZ

Escolher abajur e luminária nunca é tarefa simples. Isso porque é preciso adequar modelo, tamanho e tipo de iluminação. Aqueles cor de carne entraram definitivamente em processo de extinção; já os modernos, dependem muito do espaço disponível. Sem pé direito alto no apartamento, o que é descolado pode ficar grosseiro.

Mas sempre há coisa nova pintando por aí. O Studio Semiki, empresa italiana de design, criou a JellyLamp. Uma baita sacada. A luminária imita a embalagem de uma geléia e, com o uso de lâmpadas LED, acende conforme a cor do gel. A ideia é muito mais conceitual, já que o objeto traz uma luz amena para o ambiente.

A luminária, que custa 35 euros, pode ser adquiria pelo site http://www.jellylamp.com/ e é indicada para qualquer ambiente, como anunciam os criativos: “In the kitchen, living room, bathroom, bedroom… there is always a place for JellyLamp!”