29 de ago de 2011

O Sofá

Os muito belos que me perdoem. Mas conforto é fundamental. É assim que enxergo a funcionalidade de um sofá. Não adianta ser lindo, ter design escandinavo, aberturas laterais, falar francês. Ele precisa abraçar o seu dono como quem calça uma luva.

E esse que escolhemos para o apartamento cumpre muito bem o seu papel. Além disso, ornou bem com as tonalidades escolhidas para o piso e outros móveis e virou o destaque da sala. Agora, quando a casa toda já está em silêncio, puxo os assentos que o tornam maior e coloco um DVD que não seja Xuxa, Pocoyo ou Galinha Pintadinha.


Para mim é uma espécie de divã, sem a necessidade de alguém na poltrona para discutir algo. Nos tempos de solteiro, muitas vezes trocava a minha cama pelo sofá. Acho até injusta essa tradição de designá-lo como destino após uma briga de casal. Sofá não é lugar de castigo, assim como a cama não abriga apenas casais felizes.

Pra quem tem filho pequeno, cobri-lo com lençol, capa ou similares é quase uma obrigação. A não ser que você tenha dinheiro para trocar a cada 6 meses. Uma dica boa é impermeabilizá-lo, para evitar que qualquer pingo vire mancha. Sim, porque em alguma hora vai sobrar uma colherada de Danoninho no estofado.

Enquanto o apartamento não ficava pronto, sentávamos em cadeiras de plástico ou simplesmente deitávamos no chão. Quando ele chegou, tudo mudou. A sala virou um lugar habitável e desejado. Também era uma espécie de chancela social, o sinal verde para receber visitas.

O sofá dignifica o homem. É o protagonista dos momentos de descanso. É o amigo do fim de noite. É o leito de almas cansadas. É o trono de uma realeza caseira, da qual nunca pensamos em renunciar.

6 comentários:

Cê Vilanova disse...

olá!este sofá esta realemnte lindo! acho que lá em casa ainda ficaremos um bom tempo sem um, aliás, são tantas coisas pra comprar que nem sei por onde começar...
Parabéns pela escolha, concordo que entre conforto e beleza, neste caso temos que optar pelo conforto, se bem que no seu caso, conseguiu unir as duas coisa!
bjs

Cléo disse...

Vcs fizeram uma ótima escolha. O sofá é muito bonito e aconchegante.

Amanda B Ansaldo disse...

Puxa, q bom gosto esse sofá, hein? Quem escolheu? rsrs

Nathalya Carvalho disse...

A declaração pro sofá foi ótimA!!! ele vai amar!! hihihi =) muito lindo ... o sofá!! bjus

enfimareforma disse...

Menina adorei o modelo do seu sofá, irei reformar o meu e estou pensando neste mesmo modelo. Concordo com vc o sofá deve nos abraçar, não adianta ter um super design e não ter conforto adequado. Sua escolha foi feliz parabéns pela aquisição.
Olha tô te seguindo passa lá no meu blog e me segue tb.
Beijo.

Sonia disse...

Adorei o sofá, a declaração de aconchego, foi ótima e a dica de impermeabilização, fundamental.
Ah,a cor do mascote, é muito bonita.